terça-feira, 9 de junho de 2009

Preciso e preciso


Há um porto ao alcance da Paz. Há uma vontade de abrigo dos remos que aparam a água. Os barcos suspendem a travessia, as velas recolhidas preparam o corpo que atraca. Só hoje. Porque a vista pressente muito mais para lá do horizonte. Há mais portos por descobrir. De Paz.

*
Música: Orpheus - David Sylvian

Sem comentários:

Enviar um comentário

Dentro da nave

Astronomy Picture of the Day