quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Não quero




Não quero construir ideias que se assentam no vazio

Não quero acreditar em acenos feitos de mentira

Não quero esperar pelo que foi morto à nascença



A dor é insuportável.

3 comentários:

  1. Ainda que conceba ideias que assentam no vazio,e esperas mortas à nascença, porque acredito no cheio(de tudo) e no renascer,não aceito os "acenos feitos de mentira".Não. Esses não. Esses velhacos sem escrupulos vestidos de falsidade e sorriso pronto a apunhalar...
    Acredito em ti.No que não queres (e no que queres). No que te engana e no que te desengana... A dor engana,Maria!... Desengana-te. :)
    Das 3 permissas,apenas uma não tem volta a dar.Troca-lhes as voltas
    e acena-lhes um adeus... *

    ResponderEliminar

Dentro da nave

Astronomy Picture of the Day